Shakedown Honda da W2 Racing na Itália (Foto: Divulgação)

Shakedown Honda da W2 Racing na Itália (Foto: Divulgação)

Atividade é coordenada pela JAS Motorsport no autódromo Tazio Nuvolari.

Os carros da W2 Racing para a temporada pioneira do TCR South America aceleraram pela primeira vez nesta quarta-feira.

O palco do shakedown dos dois Honda Civic TCR da primeira escuderia brasileira a anunciar sua participação na temporada inaugural do novo campeonato Sul-Americano foi o circuito italiano Tazio Nuvolari, no norte da Itália.

A atividade foi conduzida pela equipe JAS Motorsport parceira oficial da Honda desde 1998 e parceira da W2 Racing para a operação do TCR South America.

Tanto o Honda Civic que será pilotado por Raphael Reis quanto o outro carro com piloto ainda a ser anunciado realizaram toda a programação sem apresentar qualquer problema, performance que deixou otimistas os engenheiros Serafin Junior e Duda Pamplona, chefes da W2 Racing.

A intenção da dupla é realizar um treino mais na Itália, no início de 2021, antes do envio dos dois carros para a sede da equipe, no Rio de Janeiro.

 

O que ele disse

“O teste foi muito proveitoso. O propósito era um teste de verificação, um shakedown completo porque os dois carros foram totalmente montados, 100% do zero. Felizmente tudo funcionou perfeitamente e ficamos muito motivados com os resultados. Nossa ideia, se as condições de viagem para a Itália permitirem, é retornar na segunda semana de janeiro com o Raphael Reis e fazer um treino. Se não for viável mais um treino, viajaremos para conhecer um pouco mais a estrutura da JAS Motorsport e toda sua operação, para, na sequência, despachar os dois carros para o Brasil” – Duda Pamplona