Competição mais importante do kartismo no continente será realizada em abril, no Velopark.

Pela segunda vez consecutiva classificado para disputar o Campeonato Sul-Americano Codasur de Kart pela categoria Cadete, o brasiliense Pedro Lins (Universidade Brasil | Editoria Soccia) brevemente deverá confirmar sua presença no mais importante evento do kartismo no continente.

Desta vez, porém, o jovem piloto radicado em Barueri (SP) deverá competir em outra categoria, a Codasur Júnior, que utiliza motores de 125cc e chassis maiores. Como sua vaga foi conquistada por ter finalizado a Copa Brasil de 2019 entre os oito melhores da Cadete, Pedro Lins classificou-se para o Sul-Americano nesta categoria.

Agora um pouco mais crescido, Pedro Lins, já promovido à categoria Júnior Menor, não tem mais condições físicas de competir na Cadete no Campeonato Sul-Americano Codasur.

“O Pedro já não cabe mais no kart da Cadete, e passaria muito do peso mínimo exigido”, explica Aline Lins, mãe do piloto. “Assim, ele não seria competitivo, apenas ‘faria número’ no grid de largada”, continua.

Pedro Lins (Universidade Brasil | Editoria Soccia) teria sua participação na Cadete de forma subsidiada, mas terá que abrir mão deste apoio. “Acreditamos que o Sul-Americano é um campeonato importante para o aprendizado e o currículo do Pedro e, por isto, mesmo sem o subsídio, temos intenção de levá-lo para competir”, ressalta Aline Lins. “É um evento de intercâmbio com pilotos de toda a América do Sul”, finaliza.

O Campeonato Sul-Americano Codasur será disputado entre os dias 22 e 25 de abril, no Kartódromo Velopark, em Nova Santa Rita, na região metropolitana de Porto Alegre (RS).