Rubens Barrichello (Foto: Carsten Horst)

Rubens Barrichello (Foto: Carsten Horst)

Piloto da equipe Mobil Full Time Sports está animado para correr na pista onde conquistou sua primeira pole position na Stock Care já tem duas vitórias.

Depois de mais de um mês de folga, a Stock Car volta à ativa neste fim de semana (19 e 20) para a disputa da nona etapa da temporada 2019. A rodada dupla desta vez será no autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR). A pista traz boas recordações para o piloto Rubens Barrichello, da equipe Mobil Full Time Sports.

“Adoro Cascavel. Foi o palco da minha primeira pole position em 2013 e já ganhei duas vezes lá”, comentou o piloto do Stock Car #111, que venceu na pista paranaense em 2014 e 2016.

Barrichello também elogiou o traçado de 3,058 km e sete curvas, dentre elas a Curva do Bacião, conhecida como a “Eau Rouge brasileira”, inclinada em 180 graus e que surge após uma reta em descida. Contornada a quase 200 km/h, é famosa por possuir o maior raio entre os autódromos do Brasil, com quase 300 metros de extensão.

“A pista de Cascavel é uma das mais desafiadoras do campeonato e isso é uma coisa muito boa. A curva do Bacião é uma das preferidas dos pilotos. Com o Stock Car, é realmente muito desafiador”, destacou o piloto que vem de uma vitória na etapa passada, no Velopark (RS).

Barrichello já venceu quatro vezes este ano e está em quarto lugar na classificação do campeonato. O objetivo agora é lutar por bons pontos também na corrida 1, para encostar nos líderes.

“A gente vem de um ano em que temos mostrado muita competitividade, principalmente na segunda corrida. Mas agora nessa reta final do campeonato, precisamos de muitos pontos. Então, queremos melhorar mais para marcar o maior número de pontos possíveis. Assim, podemos descontar a diferença dos líderes para chegar na etapa final em condições de brigar pelo título”, reforçou o campeão da Stock Car de 2014.