Piloto brasileiro da Academia Shell Racing projeta terminar o ano em alta daqui a duas semanas na última etapa a temporada, em Monza.

O piloto brasileiro Gianluca Petecof somou neste domingo seu 12º top5 na temporada do Campeonato Italiano de Fórmula 4 ao terminar a terceira corrida do fim de semana em Mugello na quarta colocação.

Com o resultado, o representante da Academia Shell Racing ainda tem chances remotas de alcançar o título da competição na última etapa, daqui a duas semanas, em Monza. Para isso, o brasileiro tem de vencer as três corridas, e seu oponente Dennis Hauger não largar nas três provas.

O piloto da Academia da Ferrari começou o fim de semana terminando a primeira corrida em terceiro lugar na pista, mas uma punição de dez segundos por um contato com outro competidor fez Gianluca perder posições e cair para 23º.

Na segunda prova, o brasileiro brigou pelo top5 desde as primeiras voltas e chegou a estar em quinto lugar, mas, numa prova muito equilibrada, cruzou a linha de chegada em sexto.

Já neste domingo, Petecof passou em quinto lugar ao fim da primeira volta e subiu para quarto na sexta de 18 voltas. Dali em diante, o brasileiro manteve a posição e obteve seu melhor resultado no fim de semana.
O que disse Gianluca Petecof:

“Esse fim de semana foi abaixo das nossas expectativas. Desde a classificação, faltou um pouco de ritmo, e houve algumas dificuldades. Não conseguimos o troféu, que era o nosso grande objetivo. Para Monza, a meta é fazer corridas limpas e maximizar o potencial do carro e garantir o top2 no campeonato. Vamos dar tudo até o fim e ver como fica, não acabou ainda. Temos três corridas para mostrar nosso potencial.”
Classificação do campeonato:

1º D.Hauger – 305 pontos
2º G.Petecof – 222
3º P.Aron – 197
4º M.Belov – 143
5º R.Stanek – 118