Edu Abrantes (Graduados), Paulo Sant’Anna (Sênior) e Rogério Cebola (Light) foram campeões do primeiro turno.

Com pouco mais de seis meses de vida, a Associação dos Kartistas de São Paulo (AKSP) já tem muita história para contar e seus primeiros campeões. Depois de 25 corridas em sete rodadas disputadas, com 18 pilotos diferentes comemorando a vitória, já foi decidido o primeiro turno do campeonato realizado no Kartódromo de Interlagos, em São Paulo (SP), consagrando Edu Abrantes (Graduados), Paulo Sant’Anna (Sênior) e Rogério Cebola (Light). E agora, no dia 5 de setembro, a oitava etapa vai aclamar os campeões do segundo turno.

A Graduados, que reúne o maior número – cerca de 50 a cada evento – e os pilotos mais experientes, tem se mostrado uma das categorias mais disputadas e equilibradas de São Paulo.  Afinal, em 12 baterias realizadas, foram onze vencedores diferentes: Alberto Otazú, André Oliveira, Danilo Cauê, Edu Abrantes, Fábio Cunha, Galvane Vieira, George Shi Wen NG, Guilherme Silva, Nelson Reple, Vinícius Silva e Vivi Gola. O único que repetiu vitória foi Cauê (primeira e quarta etapas), e quem lidera na pontuação geral é o jovem (14 anos) Anthony Peperone, que ainda não venceu. No entanto, o campeão do primeiro turno foi Edu Abrantes, enquanto o líder do segundo turno é Galvane Ruivo Vieira. Uma clara demonstração do quanto o AKSP é competitivo.

Entre os pilotos da Sênior, que a cada prova reúne em média 25 pilotos com mais de 50 anos, em sete corridas realizadas foram quatro vencedores diferentes: Eduardo Abrantes, que já venceu três etapas, Paulo Sant’Anna, primeiro colocado em duas, e João Ulisses e Wagner Ruivo, com uma vitória cada. O campeão do primeiro turno foi Sant’Anna, mas quem lidera o segundo turno e na classificação geral é Abrantes.

Já os pilotos novatos tiveram apenas três vencedores: Júlio Luiz Severino, Rodrigo Fernandes, e Rogério ‘Cebola’ Cardoso, que está dominando a categoria Light com quatro vitórias. Com isto, ele venceu o primeiro turno, e lidera o segundo turno e a pontuação acumulada.

O campeonato da AKSP é disputado em dez etapas no decorrer do ano, com três turnos. O primeiro compreende a primeira, terceira, quinta e sétima etapas, e tem um descarte. O segundo turno considera a segunda, quarta, sexta e oitava etapas, e também desconsidera o pior resultado, desde que não seja por desclassificação desportiva. E o terceiro turno vai considerar a pontuação bruta da nona e décima etapas, sem qualquer descarte. Ao final de cada turno serão premiados o campeão e vice, e ao final das dez corridas os pilotos com maior pontuação e com os dois descartes, serão consagrados como os grandes campeões da temporada nas categorias Light, Sênior e Graduados.

Pontuação Geral da Graduados da AKSP depois de sete etapas (1 descarte): 1) Anthony Peperone, 120; 2) Edu Abrantes, 102; 3) Henrique Morbi, 100; 4) Galvane Ruivo Vieira, 98; 5) Alberto Otazú, 94; 6) George Shi Wen Ng, 87; 7) Nelson Reple e Iury Bustamante, 83; 9) Vinicius Silva, 79; 10) Peterson Rodrigues, 72.

Pontuação do segundo turno da Graduados com um descarte: 1) Galvane Ruivo, 44; 2) Alberto Otazú, 42; 3) Anthony Peperone, Henrique Morbi e Vinicius Silva, 41; 6) Enzo Sala, 39; 7) Nelson Reple, 38; 8) Eduardo Abrantes, 33; 9) Iury Bustamante, 31; 10) George Shi Wen Ng, 28.

Pontuação Geral da Sênior da AKSP depois de sete etapas (1 descarte): 1) Eduardo Abrantes, 120; 2) Paulo Sant’Anna, 108; 3) Wagner Ruivo Ferreira, 106; 4) Jorge Felipe, 90; 5) Fernando Teles, 86; 6) Yastaro Paulino, 71; 7) João Ulisses, 69; 8) Luiz Cazarré, 68; 9) Maurizio Sala, 67; 10) Anacleto de Freitas, 64.

Pontuação do segundo turno da Sênior com um descarte: 1) Eduardo Abrantes, 51; 2) Wagner Ruivo, 42; 3) Fernando Teles, 37; 4) Jorge Felipe, 33; 5) Unnion Lee e Maurizio Sala, 32; 7) Paulo Sant’Anna e Luiz Cazarré, 30; 9) Valdo ‘Nenê’ Gregório, 29; 10) Cleto Freitas, 41.

Pontuação Geral da Light da AKSP depois de seis etapas (1 descarte): 1) Rogério ‘Cebola’ Cardoso, 134; 2) Gerson Roschel, 93; 3) Rodrigo Fernandes, 89; 4) Jorge Sobrinho, 78; 5) José de Jesus, 74; 6) Marcelo Costa, 66; 7) Luciano Yoshikawa, 63; 8) Davis Ricardo, 57; 9) Igor Pacanari, 53; 10) Júlio Luis Severino, 52.

Pontuação do segundo turno da Light com um descarte: 1) Rogério ‘Cebola’ Cardoso, 50; 2) Rodrigo Fernandes, 40; 3) Gerson Roschel e Jorge Sobrinho, 39; 5) José Jesus e Igor Pacanari, 28; 7) Davis Ricardo, 27; 8) Laila Almeida e Binho Street, 21; 10) Tiago Ramos, 20