A partir do dia 15 deste mês, Akyu Myasava disputa literalmente em casa o Brasileiro de Kart, já que reside a menos de 100 metros do kartódromo.

Vice-campeão da categoria Cadete, o cascavelense Akyu Myasava foi a sensação do Open do Campeonato Brasileiro de Kart, encerrado sábado, no Kartódromo Delci Damian. Ele somou 24,5 pontos, um a menos do que Alfredinho Ibiapina, que levou o título.

Akyu Myasava, da equipe Farmacêutica EMS/Flabom Têxtil andou rápido nos treinos e nas provas e mostrou maturidade ao comentar sua participação do Open. Depois de largar na terceira colocação na primeira bateria, disputada na sexta-feira, assumiu a liderança logo na largada e liderou até a última volta, quando perdeu a primeira colocação para Lucas Medeiros, de Brasília. “Saindo em terceiro, decidi que iria para a ponta surpreendendo os adversários, pulando no meio logo na largada. Deu certo e ganhei as duas posições. Já na última volta, cometi um erro ao abrir demais em um ponto que tinha que fechar tudo. No sábado, tudo funcionou bem na segunda, quando larguei na frente e liderei de ponta a ponta. Na terceira bateria, liderei até o final, quando peguei a ponta da zebra e o kart escapou. Foi um detalhe que me tirou a vitória e o título”, diz Akyu.

Agora Akyu concentra-se para disputar o Campeonato Brasileiro, a partir do próximo dia 15, quando estará competindo literalmente em casa, já que reside a menos 1000 metros do kartódromo Delci Damian,

 

Classificação final da categoria Cadete no Open do Brasileiro

1º) Alfredinho Ibiapina (PR), com 25,5 pontos

2º) Akyu Myasava (PR), 24,5

3º) Pedro Lins (DF), 20

4º) Enzo Nienkotter (SC), 16

5º) João Pedro Jo (RS), 13,5

6º) Wagner Santilli (SP), 13

7º) Firás Fahs (PR), 12,5

8º) Lucas Medeiros (DF), 12

9º) Murilo Rocha (SP), 10

10º) Christian Mosimann (SC), 10

11º) Gabriel Koenigkan (DF), 8,5

12º) Gabriel Moura (SC), 6

13º) Heitor Dall’Agnol (RS),  4

14º) Luca Waltrick (SC), 1,5

15º) Lucas Moura (MG), 0

16º) Romullo Ribas (PR), 0

17º) Gabriel Ribeiro (GO), 0

18º) Guilherme Favarete (MT), 0

19º) João Netto da Costa (GO), 0

20º) Nicolas Loretti (RJ), 0

21º) Gabriel Rabelo (SP), 0

22º) Pietro Nalesso (RJ), 0

23º) Chloe Dimalanta (SC), 0

24º) Caio Lacerda (GO), 0

25º) Mateus Fortunato (RJ), 0

26º) Júlio Pinto (PR), 0

27º) Augusto Toniolo (SC), 0

28º) Rafael Diniz (SP), 0

29º) Alexandre Mota Filho (PR), com 0 ponto