Piloto paulista de 16 anos foi a sensação da etapa de abertura da Sprint Race em Londrina.

A temporada 2019 da Sprint Race Brasil teve início no último fim de semana, em Londrina, cidade situada ao norte do Paraná. A categoria vem se consolidando por formar jovens pilotos que conseguem alcançar as principais categorias do automobilismo nacional e internacional, como Guilherme Salas (Stock Car, Stock Light e Europeu de Gran Turismo), Gaetano Di Mauro (Stock Light, Porsche Cup e Stock Car) e Diego Ramos (Stock Light).

Neste fim de semana, mais um nome começou a ser pronunciado, a do jovem piloto paulista de apenas 16 anos, Dante Fibra. Dante é kartista, e atualmente disputa a Copa São Paulo Light de Kart e tem na agenda outros compromissos pela modalidade, como o Campeonato Brasileiro e a Copa Brasil. Paralelamente, o piloto vai disputar a temporada completa da Sprint Race tendo como parceiro de pilotagem o experiente Kau Machado, piloto paranaense com passagens pelas principais categorias do país.

Dante teve seu primeiro contato com um carro de competições e, para a surpresa de todos, foi competitivo já na etapa de estreia. Liderou uma das duas sessões de treinos livres e cravou a pole-position no treino classificatório de sábado (23). No domingo, viu o parceiro de pilotagem, Kau Machado, partir da terceira posição no grid e terminar a corrida 1 em quinto lugar, após intensas disputas. O recado de Kau a Dante, ao entregar o carro para a corrida 2, foi claro: “O carro é muito bom, você vai brigar pela vitória”.

De fato, a luta pela vitória na corrida 2 foi intensa. Dante largou na frente e trocou posições com Vinicius Kwong e Nathan Brito durante as primeiras voltas, até que em uma tentativa de ultrapassagem, foi tocado e rodou, perdendo muitas posições. Recuperou-se, marcou a volta mais rápida da corrida, e finalizou a prova na quinta colocação.

“Foi um fim de semana de estreia muito bom. Consegui absorver os ensinamentos do Kau Machado, que é uma pessoa fantástica e um piloto muito talentoso e experiente. Também tive muito apoio do instrutor da categoria, André Bragantini, que me deu dicas importantíssimas. O resultado da corrida não refletiu o nosso potencial, mas são coisas de corrida. Estou certo que todo o aprendizado que tive nessa etapa vai me levar ao pódio muito em breve.” aposta Dante.

A dupla ocupa agora a quinta colocação na tabela de pontos da categoria PRO, e espera subir na classificação já na segunda etapa da Sprint Race, que será disputada no Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, São Paulo, nos dias 19 e 20 de abril. Veja a pontuação (5 primeiros):

1) Vinicius Kwong, 41 pontos
2) Gerson Campos, 34
3) João Rosate / Bruno Bunn, 33
4) Pedro Lopes, 26
5) Kau Machado / Dante Fibra, 26