Competição foi disputada no sábado, no Kartódromo RBC Racing.

Terminou neste sábado (15) a edição 2018 da Taça Minas Gerais de Kart. A competição, que teve suas provas realizadas neste segundo semestre do ano, recebeu competidores de várias partes do Estado além de convidados de São Paulo, Distrito Federal e Goiás. Ao todo se classificaram 75 pilotos no Campeonato.

A programação teve início ainda na sexta-feira, com os treinos livres e seguiu para o sábado quando foram realizadas as tomadas de tempo e logo na sequência as baterias.

A primeira categoria a tomar a pista foi a Super Kart Indoor. 13 pilotos estiveram na disputa que foi liderada na tomada de tempos por Marcelo da Silva que estabeleceu a pole com o tempo de 1m08s071. Em uma corrida limpa e extremamente disputada dois pelotões foram formados e, ao final, depois de várias trocas de posição, Cláudio Dumont venceu com Marcelo chegando em segundo. Cacau Nunes ficou com a terceira posição. No Campeonato, porém, com 27 pontos conquistados, Cacau ficou com o título e Dumontt com o vice-campeonato.

Sem a menor dúvida as corridas mais acirradas deste sábado foram as da categoria Cadete. Com o tempo de 1m02s971 o jovem Lucas Moura garantiu a pole-position. Ele, que estava na luta direta pelo título, começara o dia de forma bastante positiva. Na primeira corrida Lucas conseguiu se manter na ponta e, junto com Yuri Morelli, líder da Mirim, abriram grande vantagem para o restante do pelotão que, entre si, protagonizavam eletrizantes trocas de posição. Moura venceu com Miguel Máximo em segundo e Matheus Sena, em terceiro. Morelli venceu na Mirim com Enzo Azevedo em segundo e Oliver Gonçalves no terceiro lugar. Na segunda bateria os ânimos realmente estiveram à flor da pele. Três pilotos estavam na briga direta. A prova foi muito emocionante do começo ao fim, várias ultrapassagens e, ao final, praticamente cinco karts cruzaram a linha de chegada juntos. A vitória ficou com Leandro Almeida seguido por Lucas Moura e Matheus Sena. Yuri Morelli voltou a vencer na Mirim novamente com Enzo e Oliver na segunda e terceira colocações. Na Cadete o título ficou com Lucas Moura e, o vice-campeonato, com Leandro Almeida. Na Mirim, Morelli ficou com o título e Enzo Azevedo com o vice-campeonato.

As corridas da Super Sprinter e da Júnior Menor foram agrupadas. Clemente Faria Júnior foi o pole-position geral e, pela Super Sprinter, venceu as duas corridas garantindo, também, o título da temporada. Nesta divisão o vice-campeonato ficou com Fernando Buzollo. Pela Júnior Menor Lucas Staico foi absoluto vencendo todas as seis etapas do Campeonato e garantindo o título de forma invicta.

As categorias F4 e F4 Júnior reuniram um grid com 12 competidores. João Vitor, da Júnior, com uma volta muito boa, registrou o tempo de 59s164 e ficou com a pole-position geral. Na primeira corrida, numa prova bastante emocionante, a vitória ficou com Quim Marques, porém, mereceu destaque a prova de Davi Santos. O garoto da categoria Júnior partiu da última posição e, em grande recuperação, terminou a bateria no segundo lugar. João Vitor foi o terceiro. Na F4 a vitória ficou com André Novaes seguido por Antônio de Pádua e Roberto Cló. Na segunda bateria, pela divisão Júnior, foi a vez de João Vitor vencer com Helena Melo em segundo e Davi, em terceiro. Pela F4 Novaes voltou a vencer com De Pádua em segundo e Diego Pereira na terceira posição.