Pouca gente sabe, mas Wellington Cirino quase encerrou a carreira de piloto em 2017. Por isso, a conquista do terceiro lugar na classificação geral da Copa Truck pode ser considerada um marco de recomeço dentro de sua maior paixão, que é correr de caminhão. A temporada foi encerrada no último domingo, em Curitiba (PR), com o título de Roberval Andrade.

“Não existe nada igual como correr de caminhão. Eu amo fazer isso. E graças a Deus eu encontrei um bom caminho com o André Marques e toda a equipe AM Motorsport que me permitiram continuar acelerando e desistir de encerrar a carreira. Estamos juntos e vamos acelerar forte no próximo ano”, revelou Cirino em um discurso emocionado na cerimônia de encerramento da temporada.A temporada da retomada de Wellington Cirino teve cinco poles, oito pódios, duas vitórias e o título da Copa Sul, além do Troféu de Bronze na temporada.

“Um ano muito bom, com o crescimento da equipe no trabalho de desenvolvimento dos caminhões dentro de um esquema muito profissional. Acho que a chegada dos dois pilotos na última etapa com chances de título é a prova de que estamos no caminho certo. O momento é de celebrar,  agradecer aos patrocinadores, aos gestores da Copa Truck e aos companheiros de equipe por tudo o que aconteceu”, analisa Cirino.

A AM MotorSport/Império Truck Racing tem o patrocínio da Cerveja Império, Dopamina Energy Drink e o apoio do Mercedes Club e da Cresol. O time acelera os caminhões Actros 2646 da Mercedes-Benz.