Primeiros colocados no grid prometem vitória neste domingo.

– Atual campeão sai na segunda colocação na CLA AMG Cup

– Claudio Simão completa a primeira fila da C 250 Cup

 

Adriano Rabelo e Marcos Paioli foram os grandes destaques deste sábado de treinos para a segunda etapa do Mercedes-Benz Challenge. A prova de Curitiba, a terceira da temporada de 2017, terá Rabelo na posição de honra do grid da CLA AMG Cup com uma volta completada em 1min28s593. Pela C 250 Cup, a primeira posição foi de Marcos Paioli, que estabeleceu a marca de 1min33s432 em seu melhor giro pelo circuito.

 

“Já no primeiro treino de sexta-feira conseguimos um tempo bastante competitivo, e neste sábado arrisquei tudo o que podia nas duas voltas iniciais com pneus novos. Tenho me preparado muito para esta temporada, tanto técnica como fisicamente, e isso tem ajudado. Neste domingo a meta é largar bem e vencer. Não será uma corrida de estratégia, e sim uma corrida de busca incansável pela vitória. Já bati quatro vezes na trave aqui em Curitiba e quero ter a oportunidade de oferecer este resultado à minha equipe”, declarou Rabelo.

 

A melhor volta do piloto da Cordova Motorsport foi 0s388 mais rápida que a do segundo colocado, o atual campeão Luiz Ribeiro. O gaúcho não chegou a extrair todo o potencial dos pneus novos em razão de uma saída de pista logo após o pit stop que, embora não tenha tido consequências graves, gerou uma bandeira vermelha e interrompeu a sessão a cinco minutos do final.

 

“Enfrentamos algumas dificuldades com o acerto do carro nos treinos livres, mas conseguimos melhorar nosso ajuste na sessão de classificação. Dei uma esfregada na barreira de pneus, mas isso não chegou a estragar muita coisa no carro. Estará tudo pronto para este domingo”, declarou Ribeiro.

 

A terceira posição também agradou Roger Sandoval, que esteve entre os cinco primeiros em todos os treinos livres e confirmou a boa fase na sessão de classificação. “Nesta pista prefiro sair por fora, na terceira posição, do que em segundo. Por isso considero muito positivo o resultado deste treino. Cheguei a liderar a segunda sessão, mas sem passar pneus novos. E no momento decisivo, meu carro correspondeu novamente. A bandeira vermelha contribuiu para a queda na temperatura do meu motor, e com isso o nosso rendimento nos trechos de aceleração melhorou bastante”, explicou Sandoval.

 

Paioli alcança sétima pole – o paulista Marcos Paioli comemorou a sétima pole obtida na pista de Curitiba em eventos do Mercedes-Benz Challenge. Foi também a sua primeira na temporada de 2017. Com uma volta quase perfeita, ele estabeleceu uma vantagem de 0s544 sobre o segundo colocado, Claudio Simão, e segue como favorito à conquista da vitória neste domingo pela categoria C 250 Cup.

 

“Nossa equipe tem trabalhado muito nas últimas semanas. Fizemos treinos no Velo Città, já prevendo a próxima etapa, e também em Interlagos. Os carros foram revisados e estamos com todo o equipamento em ponto de bala. Por isso, para este domingo o objetivo é fazer uma corrida com a cabeça para marcar o máximo de pontos possíveis em Curitiba”, disse Paioli.

 

A segunda posição foi vista como positiva pelo líder do campeonato da C 250 Cup, o catarinense Claudio Simão. Ele permaneceu na segunda posição desde o início dos treinos, mas teve sua permanência na primeira fila ameaçada tanto por João Lemos, quanto por Beto Rossi. No fim da sessão, a diferença entre eles foi de apenas 0s119.

 

“Minha equipe me avisou pelo rádio que nossa posição estava ameaçada, e procurei me concentrar muito para uma única volta. Consegui me manter em segundo e, para o campeonato, este foi um bom resultado parcial. Neste domingo vou correr com o objetivo de ser campeão. Embora a decisão do título ainda esteja bem distante, cada ponto será importante neste ano”, declarou Simão.

 

A largada para a terceira etapa da temporada de 2017 será dada pontualmente ao meio dia no Autódromo de Curitiba. O BandSports transmite a corrida ao vivo. Pouco antes, às 11h20, o circuito receberá um desfile de carros de rua de clientes da marca Mercedes-Benz, proprietários de veículos da linha AMG.

 

Veja como ficaram os grids de largada das duas categorias em disputa no Paraná:

 

CLA AMG Cup

1) Adriano Rabelo (Cordova Motorsports), 1min28s593

2) Luiz Carlos Ribeiro (Ourocar Racing), 1min28s981

3) Roger Sandoval (Mottin Racing), 1min29s037

4) Betão Fonseca (Center Bus Sambaiba Racing), 1min29s131

5) José Vitte (WCR), 1min29s260

6) Paulo Varassin (Cordova Motorsports), 1min29s277

7) Fernando Junior (WCR), 1min29s343

8) Lorenzo Varassin (Cordova Motorsports), 1min29s442

9) Raijan Mascarello (Mottin Racing), 1min29s536

10) Fernando Amorim (Mottin/Sul Racing), 1min29s549

11) Fabio Escorpioni (Hot Car Competições), 1min29s600

12) Pierre Ventura (Cordova Motorsports), 1min29s634

13) Renato Braga (RSports Racing), 1min29s705

14) Danilo Pinto (Cordova Motorsports), 1min30s184

15) Fernando Poeta (Mottin/Sul Racing), 1min30s552

 

C 250 Cup

1) Marcos Paioli/Peter Gottschalk (Paioli Racing), 1min33s432

2) Claudio Simão (Center Bus Sambaiba Racing), 1min33s976

3) João Lemos (PGL Racing), 1min34s031

4) Beto Rossi (Paioli Racing), 1min34s095

5) Peter Michel Gottschalk (Paioli Racing), 1min34s186

6) Raphael Teixeira/Rodrigo Cruvinel (Brandão Motorsport), 1min34s272

7) Flavio Andrade (Hot Car Competições), 1min34s515

8) André Moraes Jr (PGL Racing), 1min34s585

9) Carlos Machado (Center Bus Sambaiba Racing), 1min35s366

10) Alexandre Navarro (RSports Racing), 1min35s490

11) Ydenis de Souza/Bruno Alvarenga (RSports Racing), 1min36s354

12) Carlos Guilherme/Sérgio Kuba (Center Bus Sambaiba Racing), 1min38s009

13) Luiz Barcellos (Center Bus Sambaiba Racing), 1min38s772

14) Ciro Lobo/Fábio Peterson (Center Bus Sambaiba Racing), 1min39s267

15) Cello Nunes (RSports Racing), sem tempo