Temporada começou no último final de semana com três corridas disputadas no circuito de Monza, na Itália

Começou no último final de semana (16 e 17/4) mais uma temporada na carreira do piloto brasiliense Yann Cunha. Campeão Sul-Americano de Fórmula 3 em 2010, neste ano Yann encara o desafio de disputar o mais tradicional torneio da categoria: o Campeonato Britânico, que, por ser uma série internacional, começou com três provas no circuito de Monza, na Itália.

Correndo com carros que têm motorização e pneus diferentes dos usados na F-3 Sul-Americana no ano passado, Yann destacou a evolução que conseguiu em sua estreia. A rodada inicial teve apenas dois dias de atividades, e apenas um treino livre antes da sessão classificatória.

“Foi um resultado natural para uma estreia”, avaliou Yann, que abandonou a primeira corrida do final de semana com problemas no câmbio, e completou as outras duas na 13ª posição. “Nunca tinha pilotado em Monza e tive apenas um treino curto antes de ir para a tomada de tempos“, comentou.

Na sessão que definiu o grid de largada para a primeira e a terceira corridas da rodada, Yann sofreu com um problema no câmbio, que voltaria a se repetir na primeira prova quando era o 12º – depois de largar na 20ª posição. No domingo, o brasiliense completou as duas corridas do dia na 13ª colocação. As vitórias do final de semana ficaram com o brasileiro Felipe Nasr em duas etapas e com o inglês Rupert Svendsen-Cook na segunda corrida.

“Cumpri o objetivo de ganhar quilometragem com o carro completando as duas corridas do domingo. Durante o final de semana, sugeri algumas mudanças no acerto que fizeram efeito para as duas últimas corridas, mas ainda estou em fase de entrosamento com meu engenheiro: sigo entendendo o método de trabalho dele, e ele, o meu estilo de pilotagem e minhas preferências de acerto”, avaliou Yann.

A temporada da F-3 Inglesa prossegue já no próximo final de semana, entre os dias 23 e 25 de abril, com a segunda rodada do ano em Outlon Park, na Inglaterra.