Piloto paranaense chega ao interior de São Paulo motivado por dois pódios e a liderança do Itaipava GT3 Brasil

Neste final de semana (16 e 17/04), a Copa Caixa Stock Car realiza a terceira etapa da temporada. Após disputas nos autódromos de Curitiba (PR) e São Paulo (SP), os carros da categoria mais badalada do automobilismo nacional vão acelerar no primeiro circuito de rua de 2011: Ribeirão Preto (SP). O piloto Rodrigo Sperafico, da equipe Prati-Donaduzzi JF Racing, fará a sua estreia na cidade localizada a cerca de 320 quilômetros da capital paulista.

Gosto bastante de correr em circuito de rua. A corrida não permite erro, exige mais cautela do que quando a gente disputa uma prova em autódromo. As curvas são cegas e isso requer muito mais atenção”, comentou Rodrigo Sperafico, que já acelerou no Principado de Mônaco quando disputou a Fórmula 3000; e em Salvador (BA), na própria Stock Car. “É sempre legal andar em uma pista nova, traz uma certa ansiedade. Estudei o traçado, sei que mudou um pouco em relação ao ano passado. Mas só chegando lá e dando uma volta pra conhecer a pista”, continuou o piloto paranaense.

Em Ribeirão Preto (SP), Rodrigo pretende somar os seus primeiros pontos na temporada. Na primeira etapa, Sperafico chegou muito perto da zona de pontuação. Em Curitiba (PR), o piloto ocupava a 12ª posição até a última volta, quando começou a perder rendimento por conta da falta de combustível, fechando em 16º. Em São Paulo (SP), o paranaense enfrentou problemas com os freios no primeiro treino livre e na corrida, e não conseguiu alcançar o objetivo.

Estamos esperando alguma mudança nos freios por parte da categoria“, disse Sperafico, que teve superaquecimento do óleo e afundamento do pedal em Interlagos. “Mas também estamos tentando melhorar o nosso carro, que rendeu abaixo do esperado nas duas primeiras etapas. A equipe está trabalhando para tentar descobrir, mas as soluções serão encontradas só na prática, nos primeiros treinos em Ribeirão Preto”, completou o piloto, vice-campeão da Stock Car em 2007.

Rodrigo Sperafico lidera o Itaipava GT3 Brasil
O piloto paranaense chega ao interior de São Paulo motivado após um grande final de semana. Na primeira etapa da temporada 2011 do Itaipava GT3 Brasil, Rodrigo Sperafico estreou na categoria com ótimos resultados. Dividindo o Corvette Z06R com o paulista Cláudio Dahruj, foi ao pódio nas duas corridas, fechando na segunda colocação no sábado (09/04), e na terceira no domingo (10/04). Os resultados conquistados no Autódromo de Interlagos deixam a dupla da Scuderia 111 na liderança do campeonato com 32 pontos.

Na corrida de abertura da programação, Sperafico mostrou o seu cartão de visitas logo na largada. Na segunda colocação do grid, o piloto paranaense tomou a ponta na primeira curva. Na volta seguinte, entretanto, seu carro sofreu pane e Rodrigo foi ultrapassado por Allam Khodair (Lamborghini Gallardo LP600). Na vice-liderança da disputa, o paranaense passou a condução do Corvette Z06R para o seu companheiro, que completou a linha de chegada na mesma posição.

Na prova de domingo, quem comandou o Corvette Z06R da Scuderia 111 na largada foi Cláudio Dahruj. Novamente na segunda colocação do grid, o paulista chegou a liderar, mas a forte chuva que atingiu a região de Interlagos durante a corrida jogou o piloto para o pelotão intermediário. Por questões de segurança, a prova foi encerrada 10 minutos antes do previsto e Rodrigo Sperafico teve pouco tempo para conduzir o carro. No fim, a dupla terminou em quinto, mas acabou conquistando a terceira posição depois das punições impostas a Paulo Bonifácio e Juliano Moro (por passagem sobre a linha de entrada/saída de boxes) e Ricardo Ribeiro (por não cumprir a parada obrigatória de dois minutos).