Testes desta terça-feira na Espanha tiveram a presença de dois brasileiros

O paulista Pedro Nunes (OGX/Grupo CGE) fechou com o quinto melhor tempo o primeiro dia de testes coletivos da GP3 Series em Barcelona, na Espanha. Dias depois de ter liderado os treinos particulares da equipe Lotus-ART com um carro de Fórmula 3 na Hungria, ele voltou à pista para os últimos ensaios antes do início do campeonato. E terminou o dia satisfeito com a evolução do carro.

Terminamos a manhã já tendo em mente um caminho na busca pelo melhor acerto, e com isso começamos o treino da tarde já com o terceiro tempo. Quando voltei para a pista com pneus novos, consegui a segunda posição, e só no final da sessão é que caí para quinto. Ainda precisamos melhorar, mas começamos no caminho certo“, disse o brasileiro, que ficou a apenas 0s240 da melhor volta da tarde, obtida por Alexander Sims.

Pedro Nunes começou a terça-feira de testes em Barcelona tendo que lidar com um problema no turbocompressor de seu carro, que o impediu de aproveitar o primeiro jogo de pneus novos a que teve direito na Espanha. Com isso, ele fechou a manhã em 12o.

Já fizemos muitos testes em Barcelona, e estou bem adaptado ao circuito. Além disso, a cada treino estou mais entrosado com meu engenheiro, e ele também já conhece um pouco mais o meu estilo de pilotar. Temos mais dois dias de trabalho pela frente, mas este início de temporada está sendo bastante positivo por termos conseguido uma evolução considerável em relação ao ano passado”, encerrou o brasileiro. Na Lotus-ART, o responsável pelo carro de Pedro Nunes neste ano é o engenheiro francês Alban Puytisson.

Os treinos da GP3 Series em Barcelona terminam na próxima quinta-feira (14). Além de Pedro Nunes, os ensaios desta terça contaram com a presença de outro brasileiro, o também paulista Leonardo Cordeiro. Ele fechou o dia em 20o (manhã) e 18o (tarde). Veja o resultado completo dos treinos da GP3 nesta terça-feira:

Treino da tarde
1) Alexander Sims, 1:39.469
2) Valtteri Bottas, 1:39.573
3) Adrian Quaife-Hobbs, 1:39.663
4) Mitch Evans, 1:39.686
5) Pedro Nunes, 1:39.709
6) Lewis Williamson, 1:39.736
7) Antonio Felix da Costa, 1:39.763
8) Simon Trummer, 1:39.856
9) Andrea Caldarelli, 1:39.874
10) Gabby Chaves, 1:39.995
11) James Calado, 1:39.997
12) Daniel Morad, 1:40.027
13) Nigel Melker, 1:40.028
14) Aaro Vainio, 1:40.145
15) Tamas Pal Kiss, 1:40.208
16) Michael Christensen, 1:40.336
17) Ivan Lukashevich, 1:40.347
18) Leonardo Cordeiro, 1:40.351
19) Marlon Stockinger, 1:40.390
20) Vittorio Ghirelli, 1:40.397
21) Willi Steindl, 1:40.466
22) Rio Haryanto, 1:40.476
23) Nick Yelloly, 1:40.499
24) Maxim Zimin, 1:40.558
25) Tom Dillmann, 1:40.563
26) Matias Laine, 1:40.684
27) Thomas Hylkema, 1:41.059
28) Zoel Amberg, 1:41.067
29) Nico Muller, 1:41.241
30) Conor Daly, 1:48.409

Treino da manhã
1) Antonio Felix Da Costa, 1.38.776
2) Nico Muller, 1.38.810
3) Nigel Melker, 1.38.816
4) Alexander Sims, 1.38.993
5) Valtteri Bottas, 1.39.245
6) Adrian Quaife-Hobbs, 1.39.252
7) James Calado, 1.39.287
8) Tom Dillmann, 1.39.451
9) Maxim Zimin, 1.39.494
10) Lewis Williamson, 1.39.608
11) Aaro Vainio, 1.39.620
12) Pedro Nunes, 1.39.623
13) Michael Christensen, 1.39.644
14) Rio Haryanto, 1.39.673
15) Marlon Stockinger, 1.39.688
16) Simon Trummer, 1.39.806
17) Tamas Pal Kiss, 1.39.862
18) Ivan Lukashevich, 1.39.867
19) Gabby Chaves, 1.39.932
20) Leonardo Cordeiro, 1.39.958
21) Nick Yelloly, 1.39.961
22) Daniel Morad, 1.40.023
23) Vittorio Ghirelli, 1.40.206
24) Mitch Evans, 1.40.223
25) Andrea Caldarelli, 1.40.251
26) Matias Laine, 1.40.423
27) Willi Steindl, 1.40.468
28) Zoel Amberg, 1.41.070
29) Thomas Hylkema, 1.41.627
30) Conor Daly, 1.41.745