Paraibano liderou os treinos, fez a pole e ganhou as duas corridas em Jacarepaguá e agora é o novo líder da temporada; próxima etapa será dia 21 de agosto, no Velopark

RIO DE JANEIRO - Valdeno Brito confirmou neste domingo no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá, que é mesmo o homem a ser batido na Copa Petrobras de Marcas. O piloto do Chevrolet Astra #77 dominou mais uma vez o fim de semana, só que desta vez, além de liderar todos os treinos, fez a pole e ganhou as duas provas válidas pela terceira etapa do ano e assumiu a ponta da classificação com 100 pontos, 17 a mais que Thiago Camilo (Carlos Alves Competition Team), agora o vice-líder.

“Como eu falei depois da primeira vitória, não tem como traçar estratégia para a segunda corrida. A gente tem de sair lá de trás ganhar as posições e chegar na frente. Hoje deu tudo certo, consegui fazer as ultrapassagens, vencer e assumir a liderança do campeonato. Estou feliz porque a equipe trabalhou pesado para deixar o meu Astra competitivo”, disse o piloto da Mico’s Racing e dono das três poles até agora na temporada. “Finalmente as coisas se encaixaram.”

E se Valdeno quebrou a escrita, Átila Abreu também fez de tudo para ir ao pódio. Após o quarto lugar na Corrida 1, ele levou seu Astra de número #51 para a primeira posição, liderou boa parte da Prova 2, mas não resistiu ao ataque. “Na segunda, eu sabia que os caras tinham o carro mais rápido que o meu e segurei a onda enquanto pude. O Valdeno ainda disse que o carro dele tinha problemas, então imagina se não tivesse?”, brincou. “Mas estou feliz porque fiz meu primeiro pódio e é muito importante voltar a pontuar”, disse o piloto da AMG.

Daniel Serra e Juliano Moro foram os responsáveis no Rio pelos melhores resultados do Honda Civic em Jacarepaguá. Eles marcaram a terceira posição na primeira e segunda corrida, respectivamente. “Não fiquei muito contente não, seria melhor vencer, claro. Mas é um campeonato de regularidade e tenho de pensar nisso”, disse Daniel do Civic #29, o melhor da classificação geral (quarto, com 68 pontos). Moro, por sua vez, demonstrou tranquilidade ao comentar o resultado. “A gente precisa melhorar para próxima porque o Valdeno está invencível.”

Outro piloto do Chevrolet Astra teve um bom fim de semana no Rio. O paranaense Thiago Marques (AMG Motorsport) chegou ao Rio de Janeiro em quinto na tabela, mas o bom desempenho lhe colocou na terceira posição, com 74 pontos e na briga pela liderança. “O fim de semana foi ótimo para mim, porque fechei bem o domingo (um segundo e um quarto lugar). Agora é manter o ritmo e o trabalho para a próxima corrida”, definiu.

Thiago Camilo, o paulista que saiu de São Paulo na liderança do campeonato, teve problemas no seu Chevrolet Astra #21 na Corrida 2 e não largou por conta de problemas elétricos, coisa que já havia acontecido na Prova 1 da primeira etapa, no Tarumã. Na primeira corrida do dia em Jacarepaguá, Camilo foi sexto colocado. Na classificação geral, saiu na vice-liderança (83 pontos).

A próxima etapa da Copa Petrobras de Marcas será no dia 21 de agosto, no circuito do Velopark, localizado na cidade de Nova Santa Rita, no Rio Grande do Sul.

Resultado da primeira corrida – 3ª etapa – Jacarepaguá (RJ)
1) Valdeno Brito, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – 20 voltas, em 30min43s505
2) Thiago Marques, AMG Motorsport (Chevrolet AMG) – a 4s058
3) Daniel Serra, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 5s908
4) Átila Abreu, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 10s539
5) Fabio Carbone, FullTime Sports (Honda Civic) – a 11s663
6) Thiago Camilo, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra) – a 11s922
7) Juliano Moro/Elias Jr., Auto Racing (Honda Civic) – a 19s808
8) Serafim Jr./Celso Vianna, Bassani Marcas (Corolla) – a 20s273
9) Rodrigo Miguel, Bassani Racing (Corolla) – a 22s114
10) Ulisses Silva, Amir Nasr Racing (Ford Focus) – a 27s663
11) Aluizio Coelho, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 37s445
12) Andersom Toso, Officer ProGP (Ford Focus) – a 49s414
13) Carlos Padovan, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 49s868
14) Cristiano ‘Tigrinho’ Almeida, Auto Racing (Honda Civic) – a 1min15s8
Não completou 75% (= 15 voltas)
15) Denis Navarro, Bassani Racing (Corolla)
16) Alceu Feldmann, FullTime Sports (Honda Civic)
17) Gustavo Martins, Amir Nasr Racing (Ford Focus)
18) Galid Osman Jr, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra)
19) Willian Freire, Bassani Marcas (Corolla)
20) Fabio Fogaça, Officer ProGP (Ford Focus)
Melhor volta: Valdeno Brito, com 1min20s364 (volta 8)

Resultado da segunda corrida – 3ª etapa – Jacarepaguá (RJ)
1) Valdeno Brito, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – 20 voltas, em 28min34s668
2) Átila Abreu, AMG Motorsport (Chevrolet Astra) – a 4s365
3) Juliano Moro/Elias Jr., Auto Racing (Honda Civic) – a 7s169
4) Thiago Marques, AMG Motorsport (Chevrolet AMG) – a 7s710
5) Daniel Serra, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 8s118
6) Aluizio Coelho, Mico’s Racing (Chevrolet Astra) – a 10s264
7) Fabio Carbone, FullTime Sports (Honda Civic) – a 14s120
8) Alceu Feldmann, FullTime Sports (Honda Civic) – a 16s689
9) Rodrigo Miguel, Bassani Racing (Corolla) – a 17s799
10) Carlos Padovan, Serra Motorsport (Honda Civic) – a 56s056
11) Cristiano ‘Tigrinho’ Almeida, Auto Racing (Honda Civic) – a 58s202
12) Andersom Toso, Officer ProGP (Ford Focus) – a 59s347
Não completou 75% (= 15 voltas)
13) Gustavo Martins, Amir Nasr Racing (Ford Focus) – a 8 voltas
14) Denis Navarro, Bassani Racing (Corolla) – a 10 voltas
15) Ulisses Silva, Amir Nasr Racing (Ford Focus) – a 14 voltas
16) Serafim Jr./Celso Vianna, Bassani Marcas (Corolla) – a 19 voltas
17) Thiago Camilo, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra)
18) Galid Osman Jr, Carlos Alves Competition Team (Chevrolet Astra)
19) Willian Freire, Bassani Marcas (Corolla)
20) Fabio Fogaça, Officer ProGP (Ford Focus)
Melhor volta: Átila Abreu, com 1min21s575

CLASSIFICAÇÃO DA COPA PETROBRAS DE MARCAS

MARCAS
1) Chevrolet – 254 pontos
2) Honda – 184
3) Ford – 75

PILOTOS – os 10 primeiros, após 3 etapas
1) Valdeno Brito – 100 pontos
2) Thiago Camilo – 83 pontos
3) Thiago Marques – 74
4) Daniel Serra – 68
5) Alceu Feldmann – 60
6) Fabio Carbone – 52
7) Galid Osman – 51
8) Juliano Moro – 50
9) Rodrigo Miguel – 44
10) Átila Abreu – 38 pontos