Em 2010, a prova da Indy em SP movimentou R$ 80 milhões na cidade